Busca
ENQUETE Você acha que a transmissão de radio deve ser cobrada pelo cruzeiro?
  • Sim
  • Não
  • Somente para Radio Itatiaia




11 02 08
Um novo Marcelo Ramos?

Um novo Marcelo Ramos?

Por: Bruno Vicintin
Revisado por: Bruno Silveira

Esta coluna tambem pode ser lida no site Radar Celeste pelo link:

http://www.radarceleste.com/colunabruno.html

Pouca gente se lembra, porém o ataque do Cruzeiro que iniciou a disputa da Libertadores de 1997 não inspirava muito a torcida celeste. A briga pela camisa nove celeste (que já encantara a América com o primeiro Palhinha na década de 70) seria entre um jovem jogador vindo do América chamado Alex Mineiro e uma ex promessa do nosso rival o folclórico Reinaldinho (aquele mesmo que a imprensa mineira teimava em comparar com o fenômeno Ronaldo, em 97 Reinaldo ainda tentava se firmar enquanto Ronaldo já conquistara o mundo).

Começamos muito mal aquela Libertadores e se não fosse um gol salvador do meia Palhinha calando o Grêmio no Olímpico, o Cruzeiro não teria se classificado a segunda fase. Pensando em nada menos que o título o então presidente Zezé Perrela usando uma lei que poucos clubes até então utilizavam na competição (a lei que permitia substituir dois jogadores da lista que estava disputando a Libertadores, autorizando teoricamente dois novos reforços no meio da competição). Vieram por empréstimo nosso ex-centroavante Marcelo Ramos que estava no PSV da Holanda.

O resto da história todo mundo se lembra, apesar de não ter marcado o gol decisivo daquela Libertadores Marcelo foi importantíssimo para o titulo, já que sua presença na área fez um time até então muito defensivo aumentar em muito seu poder ofensivo. Além disto não podemos esquecer que foi de Marcelo Ramos o inesquecível gol da final do campeonato mineiro daquele ano contra o Villa Nova aonde a torcida celeste bateu o recorde imortal de maior publico da historia do mineirão mais de 132 mil pessoas!

Porque relembrar esta história que parece de pouca importância? Porque na minha opinião estamos muito perto de disputar com chances reais este título de 2008 e nossa diretoria assim como fiz em 97 precisa dar o último empurrão rumo a conquista, acho que não precisamos mais de quantidade e sim de mais um atacante que venha como Marcelo veio em 97 para ser o diferencial.

E para você o Cruzeiro com mais um reforço de peso estaria perto ou não da conquista da libertadores? (BV)

__________________________________________________________________

(14) Comentários > Comentar